Alimentos poderosos

Aqui você acompanha o que a natureza tem a oferecer para sua saúde

PARIPAROBA – Para que serve?

Nome Científico: Pothomorphe umbellata
Família: Piperaceae
Outros Nomes Populares: aguaxima, caapeba, caapeba-do-norte, caapeba-verdadeira, caena, capeba,
capeua, capeva, catajé, malvaísco, malvarisco, lençol-de-santa-bárbara.

Usos: anti-úlcera, colagoga e anti-hepatotóxica. Sua raiz também é antioxidante e fotoprotetora.

Parte Utilizada: Raiz e folhas.

Plantio: cresce em regiões ricas em húmus, umidade e sob a sombra de árvores.

Princípios Ativos: Suas folhas possuem óleo essencial (trans-nerolidol, D-germacreno, trans-cariofileno,
elemeno, óxido de cariofileno, selineno e espatunelol)

N-benzoilmescalina.
O principal princípio
ativo da raiz é nerolidilcatecol
.
Modo de Preparo: no tratamento de distúrbios hepáticos é usada popularmente macerando as folhas
em água, e ingerindo-a em seguida.

Observações:
• Produz maior ou menor concentração de óleo essencial em suas folhas dependendo da sombra a que
é submetida em seu desenvolvimento, sendo o melhor nível o sombreamento bem fraco.

• A pariparoba compôs a 1ᵃ edição da Farmacopeia Brasileira em 1926, porém, foi retirada em sua 2ᵃ
edição, em 195958,62. Atualmente, não está na lista de plantas medicinais e/ou fitoterápicos
regulamentados pela Anvisa. Sua pesquisa foi feita com base apenas em artigos científicos.
• Foi descoberto que N-benzoilmescalina possui atividade bactericida contra Helicobacter pylori.